China in Barra

O namorado e eu somos filhos de pais separados e, invariavelmente, precisamos dar aquele apoio moral pros velhos, o que (quase sempre) ocorre em um almoço de domingo. Vamos alternando amigavelmente entre a família dele e a minha, em eventos comemorativos ou não, para botar o papo em dia e suprir a carência (nem sempre) velada de pais e mães.

Então, depois de um sábado tomando uns “bons drink” com os amigos, no domingo fomos almoçar com o pai do namorado – com quem me identifico, já que, acredito, compartilhamos o dom da pontualidade e o da ansiedade. Não foi muito fácil, mas conseguimos convencê-lo a ir almoçar na Barra, no famoso PF Chang’s, numa tentativa de sair da rotina.

O restaurante, localizado em um dos 3.648 shoppings da Barra da Tijuca, tem pé direito alto, é bem espaçoso e possui janelões para deixar o local mais iluminado. Algumas mesas são no estilo americano de “booth“, com bancos dos dois lados; o restaurante parece preparado para receber grandes grupos, com facilidade para juntar e formar longas mesas.

IMG_3751Sabíamos que os pratos e porções seriam grandes e bem servidos, mas a idéia era provar a maior quantidade de pratos possíveis, já que é sempre difícil convencer as pessoas a irem almoçar pela Barra e, por isso mesmo, só Deus sabe voltaríamos lá.

O cardápio estava repleto de boas opções e aí, na dúvida, pedimos duas entradas: northern style spare ribs (R$ 39,50) e crispy wontons (R$ 19,90). Aquela bem bem sequinha, glaceada, adocicada e fica ótima com o pó de especiarias (com leve toque de canela); este estava gorduroso e o recheio ficou devem no tempero, mas crocantíssimo e redimido pelo molho agridoce (bem pegajoso e saboroso).IMG_3743 De quebra, ainda tínhamos mostarda, shoyo, geleia de pimenta e um molho feito com tudo misturado (azeite, pimenta, canela, etc).

Éramos quatro, então, mesmo sabendo que os pratos são bem servidos, resolvemos fazer a festa: foram três pratos, mais um acompanhamento, em um restaurante onde o serviço estava um pouco devagar e bem enrolado. O vinho rosé, servido bem gelado, ajudou a apaziguar a ansiedade.

IMG_3760crispy honey chicken (R$ 46,50) estava exatamente do jeito que o nome fala: crocante e doce; mas o macarrão frito que acompanha é só para inglês ver mesmo – bem gostoso, uma espécie de tempurá de macarrão, mas que mal dava para dividir pelos quatro de tão pouco que veio.
mongolian beef (R$ 55) são pedaços de carne caramelizada, com shoyu, alho e cebolinhas verdes; carne bem macia potencialmente doce, mas que devido ao alho e ao shoyu tende para o salgado.IMG_3762 Ambos extremamente saborosos, mas confesso que esperava mais emoção.

Os pratos acompanham um potinho de arroz que pode ser tradicional ou integral. Pedimos ainda o singapore street noodles (R$ 49,50) , macarrão de arroz com camarões, frango e vegetais, temperado com coentro alho e curry – gostoso, com tempero bem arretado, não recomendável para quem não aprecia pimenta.IMG_3770 Resolvemos aproveitar a oportunidade e já de quebra provar o sichuan-style asparagus (R$ 16,50): pedimos meia porção e quase nos arrependemos de não termos pedido a grande de tão delicioso. Bem caprichado na pimenta e no alho, e sem cozinhar demais para manter um pouco da crocância do aspargus, foi meu prato favorito do dia.

Apesar do medo inicial de termos pedido comida demais, as escolhas foram tão acertadas que não sobrou muita coisa.

IMG_3775Para encerrar, pedi um chá de jasmim e resolvemos provar o cheese cake com calda frutas vermelhas (R$ 28,50); uma fatia gigantesca, com fina camada de massa, queijo leve (mas com sabor presente) e calda doce com gosto de frutas de verdade.

De uma outra vez que fomos lá, provamos o pf chang’s fried rice, um espécie de arroz com ovo mexido bem temperado, e você escolher se quer que venha com cubos de carne, frango ou camarões (um arroz com ovo de respeito e bem gostoso!) e de sobremesa queríamos provar o famoso bolo de chocolate. Qual não foi nossa decepção quando a garçonete nos informou que o tal bolo estava em falta, pois o fornecedor não tinha cacau [=o]! Além de termos ficado sem sobremesa, ainda ficamos nos perguntando quanto o restaurante deixa de lucrar sem a sobremesa mais famosa da casa.

(P.F. Chang’s – End: Av. Ayrton Senna, 2150 – Tel.: 2108-6351 – http://www.pfchangs.com.br/)

 

Anúncios

Já foi lá? Não foi, mas ficou curiso(a)? Curtiu o post? Me conta tudo aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s