Vontade é coisa que dá e (não) passa

Em tempos de incontáveis perfis de comida no Instagram,  abrir o aplicativo é criar um buraco eterno no estômago, uma insaciedade que mais parece um distúrbio alimentar por tudo que postam por ali. E foi assim que, no último fim de semana, me vi sonhando, salivando, babando por um entrecôte. Não podia ser qualquer bife com batata frita,… Continuar lendo Vontade é coisa que dá e (não) passa

We´re not in Rio anymore

Quando penso em ‘mudança’, a primeira palavra que me vem à cabeça é um palavrão bem feio e bem sujo.  Se você (ainda) não passou por isso, tento explicar: pessoas invadem sua casa, desmontam e desarrumam tudo que você acabou de colocar no lugar. De quebra chega aquele momento  que não tem mais água gelada… Continuar lendo We´re not in Rio anymore

Barriga llena, corazón contento

Às vezes sou uma pessoa extremamente influenciável, em outras vezes, nem tanto. Por exemplo: quando assisti “Contágio”, no dia seguinte eu acordei com todos os sintomas; mas quando me falam que carne vermelha faz mal, eu tenho dificuldade de acreditar. Tudo bem que cada organismo reage  de uma maneira e que comer um boi inteiro no almoço… Continuar lendo Barriga llena, corazón contento